segunda-feira, 17 de junho de 2013

Abacate, a super-fruta



Vai me dizer que não gostas?

Esta fruta encaixa-se perfeitamente em uma dieta (palavra grega que significa modo de vida) com restrição de carboidratos, ou seja, para quem deseja emagrecer...

Se você vem acompanhando minhas postagens, lembra que os nutrientes que matam a fome são proteína e gordura... E qual a fruta mais rica nesses nutrientes? Isso mesmo, Abacate...

Ou seja, mata a fome e evita a flacidez que muitas pessoas apresentam quando perdem peso com massa muscular junto, o que é péssimo...

Para colaborar, a maioria da gordura corresponde ao Ácido Oléico (Ômega-9), que é a gordura que proporciona mais saciedade...

Além disso, apresenta vários carotenóides, como Beta-caroteno, Luteína, Zeaxantina e Criptoxantina, que são excelentes antioxidantes e protetores da visão (retardam a perda de visão provocada naturalmente pelo envelhecimento)...

Também é fonte de Tocoferóis (vitamina E) e Glutationa, duas substâncias com um poder antioxidante muito bom...

Tem ainda excelentes concentrações de Potássio, Magnésio e Boro, que entre vários benefícios, regulam a pressão arterial e fortalecem a massa óssea, evitando osteoporose e osteopenia...

Se não bastasse isso, é “anti-estresse”, pois é fonte de Beta-Sitosterol, um fito-hormônio que “inibe” a enzima 11-Beta-Hidróxi-Esteróide-Desidrogenase-1 (11 βHED-1) que  ativa cortisona em cortisol no tecido adiposo, e este cortisol estimula a diferenciação de adipócitos, ou seja, forma novas células de gordura. Cortisol também provoca proteólise, que é perda de massa muscular, o que é péssimo pois reduz a Taxa Metabólica Basal, deixando o “metabolismo lento...

E várias são as maneiras de incluir essa fruta na dieta:


1. puro...
2. espremer Limão sobre ele...
3. combinar com Canela em pó...
4. Associar com Sardinha e Limão...
5. Liquidificá-lo com Whey Protein (se não for alérgico e/ou inflamatório para você)...

Por tudo isso, vá hoje mesmo em uma verdureira e compre vários... Quando eles começarem a ficar moles (sinal de que estão prontos para serem consumidos) é só armazena-los na geladeira que não se estragam...

4 comentários:

  1. Olá, mais um incrível post. Qual o consumo diário ou semanal do abacate?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O limite é seu gosto, não faz sentido algum estipular quantidade...

      Meu desjejum é 300-350g dessa fruta, mas bem poderia ser 400-500, já estou adaptado. Mas por ser muito gorduroso, pode dar diarreia, então, é necessário cuidado na dosagem...

      Excluir
  2. "ou seja, forma novas células de gordura. Também provoca proteólise, que é perda de massa muscular, o que é péssimo pois reduz a Taxa Metabólica Basal, deixando o “metabolismo lento”..."

    Ficou parecendo que é o abacate que causa esses efeitos... Mas acho que na verdade atenua, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Atualizei a citação, Sillas, é o Cortisol que provoca a proteólise...

      Excluir