terça-feira, 20 de agosto de 2013

Efeito fisiológico de comer os alimentos certos


"Ah, mas se eu comer abacate, amendoim, castanhas, nozes, amêndoas, ovos, óleo de oliva, óleo de côco, chocolate amargo, manteiga, banha de porco, todos os dias, até mesmo em grande quantidade, vou engordar..."

A pessoa está no fundo do poço e ainda quer discutir...

Há quilos e mais quilos de excesso de gordura corporal, sem comer uma grama de gordura por dia, e pensa que vai engordar comendo gordura...

A chance disto acontecer é a mesma de ganhar na loteria, quase impossível...

A vesícula biliar tem uma capacidade limitada de emulsificação de gorduras, não adianta consumir 500g de Abacate porque boa parte será eliminada na grande diarreia que ocorrera depois... rsrs

Comer 300g de Amendoim, tomar 100ml de Óleo de Oliva ou de Côco, mesmo efeito: dor de barriga, vômito, diarreia, mas engordar, só se você for um grande "azarado"... rsrs

Agora, experimente comer 2 pacotes de bolacha recheada - 300g - (jamais faça isso, só estou dando um exemplo, pelo amor de..., não vá testar) para ver se haverá diarreia... Agora é o contrário, praticamente 100% será absorvido, diarreia só se você for uma grande "sortudo"... E o que seu corpo fará com tanto carboidrato? Qual o impacto do glúten no sistema imunológico intestinal? E a gordura trans, onde vai parar dentro do organismo?

Ninguém consegue comer muita gordura (300g por dia) sem desistir logo no 2º dia, porque o desconforto gastrointestinal é enorme... Por isso nenhum artigo científico pode ser levado adiante...

Agora, 300g de carboidrato é tão fácil...

Então, como mensagem final: o próprio corpo regula a quantidade necessária, quando os alimentos certos são consumidos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário