terça-feira, 6 de agosto de 2013

Sol e Vitamina D: dosagem e suplementação

Apenas por questão de nomenclatura, o Calcitriol é denominado vitamina D, na verdade, é um hormônio fabricado a partir do Colesterol, e quando o assunto é hormônio, todo o contexto muda, porque a importância biológica é muito maior do que a de uma simples vitamina...

Já citei em postagem anterior a importância da vitamina D na pressão arterial, no post: link

Para prevenir qualquer tipo de doença, qualquer desequilíbrio, te digo: tenha níveis adequados de Vitamina D. É o primeiro exame de sangue que solicito e só duas vezes encontrei níveis adequados, em meio à centenas de  deficiências. Mas o que é deficiência? Menos de 50ng/ml. Entenda, ao ler o resultado do exame você verá que 30ng/ml é a referência do laboratório, mas esta referência é estatística, não é sinônimo de saúde. Com uma concentração de 30ng/ml, jamais haverá toda a proteção e benefícios da vitamina D...


A fabricação, liberação e sensibilidade à insulina (isso ocorre dentro do Pâncreas), transmissão do impulso nervoso (melhora concentração e raciocínio), força e contração muscular, absorção do Cálcio, controle da pressão arterial, facilitação da expressão gênica (multiplicação do DNA), inibe mediadores inflamatórios (TPM e cólica podem ser eliminadas com sua suplementação), tudo isso depende de vitamina D!!!!!

A expressão gênica depende da vitamina D, que aumenta a síntese de uma proteína chamada "peptídio inibidor de renina", que relaxa as artérias e impede aumento da pressão arterial... Inibe prostaglandinas, assim interfere na progressão da placa de ateroma, reduzindo a probabilidade de ter infarto agudo do miocárdio...

Aí vai um artigo científico em português, sobre isso.

Quem nunca “ouviu falar” que é necessário tomar cuidado para não pegar muito sol porque há maior risco de ter câncer de pele? Estudos de associação estão cheios por aí, e você sabe o que penso sobre isso: associação não é evidência científica. O maior fator que aumenta risco de morte é estar vivo, mas isso não prova coisa alguma, afinal, não é o fato de você viver (brincar, estudar, trabalhar, namorar, etc) que provoca a morte, mas sim, inúmeros fatores, tais como dieta completamente inadequada para sua individualidade biológica, concentração insuficiente de nutrientes, estresse, sedentarismo, tabagismo, alcoolismo, etc...

Como já citei várias vezes, questione tudo que aparentemente você “sabe” que está certo, porque pode estar completamente errado... E como as indústrias faturam muito com protetores solares, você acredita mesmo que a verdade será divulgada abertamente? Não se iluda, quase tudo gira em torno de $$$$$$...

Prevenção é algo raro em um mundo capitalista...

Com essa Sol-fobia, pouquíssimas pessoas costumam expor-se ao sol por tempo necessário para haver síntese de vitamina D, com medo de câncer de pele (ficar torrando na praia com bronzeador desde 9h até 17h o verão inteiro é pedir para ter câncer, porque aí sim a exposição excessiva lesiona células da pele), aí desenvolvem Câncer de próstata, útero, estômago, intestino, fígado, rins, cérebro, Alzheimer, Parksinon... Adiantou alguma coisa??????????

Em termos de necessidade de exposição solar, quanto mais pele for exposta e mais intenso o calor, menos tempo é necessário. Próximo ao horário do meio-dia, 15 minutos já é suficiente expondo braços (até os ombros), pernas (até joelhos) e rosto...

A humanidade sempre se expôs ao sol durante a maior parte do dia, muitos de nossos avós passavam o dia na roça (sem bronzeador, entenda a diferença) e não haviam muitos relatos de qualquer tipo de câncer. Claro que não havia, pois a vitamina D é importantíssima para o sistema imunológico, cujas células são capacitadas para reconhecer células defeituosas (cancerosas) e destruí-las...

Como mostra este artigo científico de verdade, com amostra aleatória e duplo-cego, existe uma influência muito grande da concentração de Vitamina D na expressão gênica (DNA, multiplicação celular) de leucócitos (células brancas - glóbulos - do sangue): link

Não precisa estar em jejum para realizar exame de sangue, e seu custo gira em torno de 50 reais, depois você saberá o quanto precisa aumentar ela no sangue, aí é partir para a suplementação...

Um grande detalhe: a fabricação ocorre na pele. Se você tomar banho logo em seguida, provavelmente esfoliará a pele, aí diga adeus para a vitamina D. Qual a recomendação? Esperar pelo menos 3 horas para a ducha, e mesmo assim, não esfregue muito a pele, cuidado com sabão e sabonete, retirar toda a oleaosidade da pele significa destruir a vitamina D que ainda não chegou nas camadas mais profundas da pele e chegou até o sangue...

Aí vai dois excepcionais vídeos, assista-os, vale a pena:






Nenhum comentário:

Postar um comentário