quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Aveia




Ao contrário do trigo industrial, que é transgênico e cheio de Glúten (se seu sítio está na família há 300 anos e nele há plantação de trigo, não é trigo transgênico, então não é lotado de Glúten, por isso pode ser consumido moderadamente), a Aveia é um cereal praticamente isento de glúten, fato que pode ser constatado em "produtos alimentares" encontrados em padaria feitos à base de Aveia: são crocantes, nada macios. Oras bolas, como o glúten dá elasticidade à massa, e pão de aveia não é elástico, junte uma informação com a outra e chegarás à conclusão de que não há muito Glúten na Aveia...

Como sou Nutricionista, meu foco é em Nutrientes, e desses a Aveia está cheia...

Fibras solúvel (beta-glucana): para retardar a absorção do próprio carboidrato da Aveia e evitar um aumento excessivo na liberação de Insulina, assim como para alimentar a microbiota intestinal probiótica (as "boas" bactérias do intestino)...

Se fala muito da relação entre Beta-glucana e diminuição da reabsorção de Colesterol proveniente da bile, mas perceba, se a refeição é Aveia com Maçã e Whey, há gordura? Não! Há liberação de sais biliares? Não! Há interação entre essa fibra e o colesterol? Não! Ao falar de Avenatramida, no fim do post, explico melhor...

Zinco: este mineral serve como suporte para armazenamento de Insulina no pâncreas, como pode ser visto na imagem abaixo, um ponto esbranquiçado... Está em preto-e-branco, mas dá para ver nos dois hexâmeros de Insulina os átomos de Zinco dando estrutura ao complexo molecular.




Uma necessidade aumentada de Zinco (ex: estresse mental, queimaduras de 3ª grau) podem levar à falência pancreática por esgotar o estoque de Zinco. 

Ora, sem Zinco, não há armazenamento de Insulina. Isso é péssimo! Não pense que Insulina é um hormônio maléfico, só cumpre seu papel, transportar Glicose até as células. Se você não soube consumir carboidratos, não coloque a culpa na Insulina por ter engordando...

Além dessa ação na Insulina, o Zinco é fundamental para o funcionamento do estômago (a acidez que é normal do estômago pode ser diminuída por falta de Zinco), assim como para modular (equilibrar) todo o sistema hormonal (a própria Insulina, T3 - Tireoide, Testosterona, Prolactina, Estrógenos), bem como para todo o sistema imunológico e resposta antioxidante... 

Cromo: dentro de cada célula, é fundamental para a ligação da Insulina em seu receptor na membrana celular... Sem Cromo, há resistência à insulina, e um vontade absurda de comer doces...

Magnésio: essencial para transformar as energia dos alimentos (calorias) em energia realmente útil dentro de cada célula (ATP), regular a bomba de Sódio/Potássio (Na/K-ATPase), que é importante para toda e qualquer célula...

Selênio: bem como Zinco, participa ativamente na ativação do hormônio tireoidiano T4 em T3, é importante para a resposta antioxidante, também é importante para o sistema imunológico...

Silício: indispensável para a formação das glicosaminoglicanas, componentes do Colágeno (inclusive esse mineral já vendo fazendo parte dos BONS suplementos de Colágeno)...

Vitaminas do complexo B: exceto a B12, presente só em alimentos de origem animal, todas as outras 7 estão presentes na Aveia. Quem sente dificuldade para se concentrar, raciocínio lento, perda de memória, pode se beneficiar do consumo de Aveia (vitamina B1, a Tiamina, especificamente). Transformar os nutrientes que fornecem energia (carboidrato, proteína e gordura) em ATP (única forma de energia utilizada pelo corpo) requer MUITAS, mas MUITAS vitaminas do complexo B...

Carboidrato de Índice Glicêmico moderado (não é absorvido rapidamente), Proteína em boa concentração (15% em média)...

Além de tudo isso, ainda tem polifenóis (antioxidantes, anti-inflamatórios) chamados de Avenatramida, que aumentam produção de óxido nítrico, potente vasodilatador (ajustando a pressão arterial e diminuindo o risco de aterosclerose), inibem a produção de marcadores inflamatórios (Interleucina 6, Fator Nuclear Kappa B) e de moléculas de adesão VCAM, ICAM, Selectina-E (que atraem monócitos e aumentam a formação do ateroma): vem desse polifenol a proteção ao sistema cardiovascular, não da beta-glucana...

Por tudo isso, digo: não deixe esse cereal fora da sua dieta...

2 comentários:

  1. Luiz,

    Aveia tem que ser em flocos ou pode ser o farelo de aveia?

    Qual a diferença?

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flocos, preferencialmente. No farelo APENAS há mais beta-glucana, no grão em flocos há todos os nutrientes...

      Excluir