quinta-feira, 16 de março de 2017

Liberdade ou consciência vs. senso comum: em busca da sua verdade


Faz muito tempo desde a última postagem, Pois bem, e o que desejo transmitir??? Deve ter muita mensagem acumulada, devem estar pensando...

Estou "meio" que sem vontade/paciência (interprete como quiser... kkk) de costurar o texto detalhadamente, pularei de um assunto para outro de repente... Pense nisso como "curtinhas", as postagens que lemos por aí...
Pra mim já está sendo quase "um parto" publicar essa postagem, então por favor, fiquem tranquilos e apenas leia, depois comentem se quiserem, educadamente, por favor...


O foco principal dessa postagem parte da frase abaixo:

"Então conhecereis a verdade, e ela vos libertará..."

Uma personalidade muitíssimo "conhecida", ao menos pelo nome, falou isso há uns 2 mil anos atrás... Não interessa aqui se esta pessoa existiu ou não, muito menos se a mensagem é dela ou não, o que importa é que a mensagem está aí, e nela é que estou me baseando para todo o texto que segue abaixo:

De uma certa forma, cada um de nós temos a grande tendência em julgar que o nosso ponto de vista é o certo: que a nossa alimentação é certa e a do fulano é errada, que a nossa religião é certa e a do vizinho é errada, e por aí vai... Temos tendência em achar que a verdade absoluta é a nossa, pois construímos essa nossa verdade baseadas nas experiências que nós tivemos, acontece que as experiências do nosso vizinho podem ter sido muito diferentes, cujo resultado final, por consequência, pode ter sido completamente diferente, logo a verdade absoluta dele também é diferente... Então, ao mesmo tempo, de uma certa forma, todos estamos certos...Pensamentos do tipo "todo mundo sabe" não levam à lugar algum, não há nada de específico e individual nisso... 

Geralmente as pessoas "engordam" por problemas psicológicos, pela correria da rotina, pela praticidade do alimento rápido que enche a barriga e permite voltar à rotina normal rapidamente... Oras, pra reverter tem que mudar, né? Com paciência, sem exageros e radicalismos que não possam ser sustentados, o importante é conseguir mudar à longo prazo: se for necessário 2 dias "do lixo" por semana durante um mês para que possa se acostumar, ótimo, pois no próximo mês talvez precise só de 1 dia "do lixo", o foco é no desenvolvimento, na evolução, pense nisso...


Já falei, se quer massagear seu ego vai perguntar pra sua mãe se você é lindo(a)...  Dieta e treino servem como ferramentas para conseguir alcançar o objetivo, não fale mal da dieta e treino sem ao menos se esforçar muito para tentar seguir o planejamento...



Seja qual for a mudança corporal, antes de tudo, precisa ser mental! Cirurgia para redução de estômago??? É melhor uma cirurgia para mudança de cérebro, vai dar mais resultado...



...



Ah! Mas a suplementação de Creatina retém líquidos, deixa a pessoa inchada! Será mesmo??? O que retém líquidos mesmo, de verdade, leia bem, processe, assimile, e exponha qualquer ideia diferente (pois a verdade absoluta é a soma de diferentes verdades ) é achar que comida é sinônimo de carboidrato... Altos níveis de Insulina é que causam retenção de água, hipertensão consequentemente é uma causa da hiper-insulinemia, não Creatina, muito menos o SAL... Creatina retém água, mas com um detalhe nada maléfico: dentro da massa muscular (em fibras musculares treinadas a retenção é maior)... Não, não na sua testa, muito menos na sua orelha, nem no seu polegar, imagine no seu tornozelo ou nas bochechas...

Creatina melhora a ressíntese de ATP, traduzindo para algo maravilhoso: antioxidante! Como ela atua na regeneração do ATP, faz com que menos elétrons fiquem "à deriva", instáveis e "sem ter o que fazer"... Isto é ótimo, reaproveitamento energético, diminuição de acidose muscular, aumento de desempenho, recuperação muscular mais rápida e eficiente... Muito mais além disso, o próprio coração, músculo que não pára de trabalhar jamais, também é beneficiado com a suplementação de Creatina, inclusive lembro de ter lido estudos sobre isso há um bom tempo, realizados em idosos e comprovando benefícios...

...

Então, digamos assim, você tem muita liberdade de escolha: comer pouco carboidrato e mesmo assim ter hipertrofia, não comer pouco carboidrato e mesmo assim "emagrecer" (pois o balanço energético é o importante, lembrando que bom senso na escolha dos alimentos também faz diferença, adotar essa estratégia não significa viver à base de pão ou estimular Inslina, tem que ter algum critério pra não perder o foco)...
Mesmo quem busca hipertrofia muscular, se quiser, pode tentar uma dieta com pouco carboidrato, pois a oferta de energia pode ser feita com gorduras, o importante é o consumo energético adequado (calorias), havendo um bom superávit energético, haverá substrato para um desenvolvimento muscular adequado... Então estratégias que buscam depletar glicogênio muscular (através de um período pré-definido com pouco carboidrato) podem ser utilizadas no processo...

...

Comer a cada 3 horas??? Da onde veio isso????? Ora, diabético tem crise de hipoglicemia, qual a "correção"? Açúcar, para reverter, daí vem a hiperglicemia, então se comer a cada 3h vai evitar a queda, a hipoglicemia... Mas se a primeira refeição do dia já não causasse um pico na glicemia, precisaria comer à cada 3 horas??? Precisaria???/ Pense...

...

E os sucos detox "da vida", modinha irritante da Nutrição Funcional que se alastrou como uma praga (que na prática virou uma refeição bem mais ou menos em meio à uma dieta de alimentos-lixo, com calorias vazias)... Quer destoxificar? Tenha uma dieta que penda para isso, que tenha um caráter destoxificante, sem alimentos lixos (frango não-caipira é um deles) e abundante em micronutrientes, com comida de verdade... "E o gengibre e a couve, do suco, o que faço"? Por acaso surge uma fórmula mágica quando esses se unem??? Muito mais forte é o efeito se usar gengibre em maior quantidade (não é um pedacinho, como vai no suco, quantidade ínfima... Use 40-50g, pese e veja quanto dá) e misturar com outras plantas para preparar alguns litros de suco e tomar durante alguns dias da semana...

...

Claro que dinheiro não dá em árvores e a maioria das pessoas precisa controlar muito bem o orçamento... Mas cedo ou tarde a agitação por resultados faz muitos abrirem mão desse recurso precioso, dinheiro. Acontece que dinheiro só serve para duas coisas: gastar ou investir!
Quando você usa o dinheiro para comprar qualquer coisa que desvaloriza com o passar do tempo (celular, carro etc), você acha mesmo que está investindo seu dinheiro????? Não estou dizendo que são coisas inúteis, é só uma comparação entre gastar e investir...

Quando você só fica atrás de "dicas" de dieta (já falei aqui o que significa dieta, então por favor não distorça mais essa palavra) e suplementação na internet, imitando um conhecido ou alguém conhecido na área, está mesmo fazendo um investimento????? Claro que tem muita informação boa na rede, mas aí está, praticamente para quase tudo que você perguntar se "isso é bom pra aquilo", a resposta será sim. Nunca ouviu falar em "Urinoterapia" (tomar o próprio xixi)???? É necessário filtro para todas as informações sobre o que é bom, e nem tudo funciona para todo mundo...

2 comentários:

  1. Que bom que voltou com as postagens Luiz!! Continue!!

    ResponderExcluir
  2. Fazem muita falta seus posts! Valeu por retornar!

    ResponderExcluir